sexta-feira, 25 de abril de 2014

Em Upanema (RN), uma corja de bandidos da pior espécie continua insistindo na utilização de páginas putrefatas na internet para repassar mensagens anônimas, transformando a blogosfera na "bundosfera". Os pulhas, morcegos vampiros que chafurdaram por anos na lama da gatunagem dentro da Prefeitura Municipal são reincidentes na prática do anonimato, um crime sem dimensão e sem punição. O pior, é que não existe remédio em lugar nenhum do mundo que cure doença de trapaceiro e ladrão. O comportamento marginal é incurável

A blogosfera em Upanema-RN, transformou-se na "bundosfera", que é um covil da marginais de culto a mediocridade. Bandidos da pior espécie que se definem como blogueiros (BOGUEiros), continuam utilizando páginas putrefatas na internet para repassar mensagens anônimas. São vermes que se valem do anonimato, um crime sem dimensão e sem punição. Não chega a ser novidade o que os pulhas produzem com o "fiofó", naturalmente, porque já participaram ativamente de todo tipo de pilantragem para surrupiar dinheiro público. Obra do banditismo: participes e cúmplices em forjar um gasto de R$ 500 mil (meio milhão de reais) numa festa de carnaval em Upanema-RN, praticando operações fraudulentas para se apropiar indevidamente e, criminosamente de verba pública. O dinheiro saqueado pelos bandidos, ladrões, pilantras, picaretas e mal caráter, daria para abastecer por vários meses com medicamentos para todo tipo de doença, a "Farmácia Básica do Município", como também, ampliar todo o estoque de remédio para garantir e não faltar sequer, o pedido e requerimento de medicação para os próprios patifes, comparsas, cúmplices e mancebos da "bundosfera". Apesar de que, ainda não acredito existir remédio no mundo que cure doença de velhaco, embusteiro, marreteiro, mentiroso, ladrão, surrupiador, saqueador e assaltante dos cofres públicos. O comportamento marginal é incurável. A horda de crápulas e cafajestes apelidados de BOGUEiros, lacaios da "bundosfera", em Upanema-RN, sempre viveu a custo de chantagem, picaretagem, extorsão e ladroagem. Além do mais, o que não tem cara de puta é veado. O que não é veado é trapaceiro. O que não é trapaceiro é ladrão. São porcos que se alimentam na pocilga de sempre. Em tempo: os "rola bostas" querem ser defensores da sociedade, quando se sabe, nunca passarão de medíocres, sanguessugas, morcegos vampiros, aves de rapina, marginais periculosos, que sempre viverão na lama da gatunagem defecando pela boca. Pau neles, grosso e grande, que é o que mais gostam.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.