sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Prefeita de Upanema-RN, Maria Stella Freire (PMDB), foi quem transformou o vice-prefeito Manoel Carlos de Oliveira (Manezinho), em lídimo postulante à prefeitura municipal nas eleições de 2012, logo assim, deve ir para o centro da campanha eleitoral

A prefeita de Upanema-RN, Maria Stella Freire (PMDB), não pode ficar à sombra política do processo sucessório municipal como desejam, ardentemente, aliados maquiavélicos, falsários, malfeitores, covardes e furibundos, uma raça predadora e tirana infiltrada no grupo peemedebista, que a gestora ingenuamente, ou até inocentemente, ainda, alimenta confiança. Não sou correligionário da alcaidessa upanemense, e sim, adversário ferrenho, mas, por uma questão de reconhecimento, defendo que ela vá para às ruas. Afinal de contas, o candidato à prefeitura pela situação, Manoel Carlos de Oliveira (Manezinho) é sua cria legítima. O mais imbecil dos idiotas agregados nas tetas (mamata) da prefeitura, sabe disso. A chefe do executivo municipal, não deve por hipótese nenhuma - mesmo com imagem bastante arranhada, altos índices de desgaste e rejeição da administração - admitir que oportunistas, charlatões, infiéis, traiçoeiros, vigaristas, trambiqueiros e marreteiros, sugadores do dinheiro público, queiram dissociar a sua imagem do postulante à prefeitura de Upanema-RN, pelo PMDB. Maria Stella Freire, não pode ser escondida e, deve ir para o centro da campanha eleitoral. Digo, repito e confirmo, que foi  exclusivamente, a prefeita upanemense, que transformou o vice-prefeito, em candidato ao Paço Municipal, nas próximas eleições de 07 de outubro de 2012. Indicou porque conhece, confia e gosta dele. Para os navegantes, marinheiros de primeira viagem, analfabetos de latir e, burros de relinchar, vai uma orientação educativa: a prefeita Maria Stella Freire, é "inescondível". Em tempo: a gestora está diante do maior desafio de sua vida política. Está em jogo o seu futuro político e, por isso, deve partir para o tudo ou nada, ir para o centro do ringue. Mais ainda: uma grande parte do grupo peemedebista de araque, tem ojeriza, e odeia a prefeita Maria Stella Freire, além do mais, quer forçar a barra para que ela se distancie da campanha eleitoral, o que é uma tremenda injustiça. Na verdade, a prefeita tem sido vítima em todo o curso da administração pública, da denominada dolorosa "punhalada da traição".

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.