domingo, 1 de abril de 2012

Na Corda Bamba // Fragilizado, sufocado, debilitado, destroçado e totalmente sem rumo e sem prumo, o PMDB de Upanema-RN, não conseguirá sobreviver a campanha municipal de 2012, que já bate a porta. Quem viver, verá.

O Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB), em Upanema-RN, vem passando por um processo de "encolhiento", a partir do desligamento oficial de seus quadros do ex-prefeito Jorge Luiz Costa de Oliveira. O vácuo deixado pelo ex-gestor da municipalidade upanemense, resultou num cenário desanimador, desolador e desalentador dentro da agremiação partidária. O PMDB, no município, está passando por uma séria crise de existência, tanto que está totalmente sem rumo e sem prumo. Ou como diriam os apocalípticos (proféticos) políticos, quase já morreu. Fragilizado, destroçado e sufocado, o partido caminha na corda bamba, e não conseguirá sobreviver a mais uma campanha municipal, que já bate a porta. Quem viver, verá. Os dissabores vividos pela atual chefe do executivo são fruto da rebeldia (fogo amigo) da maioria dos assessores e base aliada, que tentam a todo custo desestabilizar a sua administração e sua possível candidatura a reeleição. E conseguirão, sem dúvida. Quem é, onde está e para que está servindo o PMDB em Upanema-RN? Esta é a pergunta que o povo faz lá fora, e nos corredores das ruas de toda a cidade. Em tempo: se o PMDB sumisse do mapa da política de Upanema-RN, quem sairia ganhando seria o povo upanemense.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.