sábado, 21 de janeiro de 2012

Governadora do Rio Grande do Norte, Rosalba Rosado (DEM) foi produto maldito do senador Agripino Maia e do Ministro da Previdência Garibaldi Alves

Leio no Jornal "Tribuna do Norte", que o governo Rosalba Rosado (DEM-RN) é reprovado por 58,57% da população, conforme pesquisa aferida pelo Instituto "Certus". No primeiro ano com esse percentual de rejeição, imagine em 2014. Vai bater o recorde de toda a história política do Rio Grande do Norte. O único lugar que ela vai e não é vaiada, é no quartel do Comando Geral da Polícia Militar. Também, pudera. A governadora Rosalba Rosado é gestora de apenas um mandato no executivo, a exemplo, da prefeita de Upanema-RN, Maria Stella Freire. Tanto a governadora, quanto a prefeita, merecem o "Oscar" da incompetência administrativa. Em tempo: o território norte-rio-grandense está um caos em todos os setores. Evidentemente, seria bem-vinda uma investigação federal urgente, urgentíssima, antes que o barco venha a naufragar. A realidade está nas ruas, na boca do povo. Mesmo como aprendiz de jornalista, desde 1982 - há exatos 30 anos - gostaria muito de saber o que tem a dizer o senador Agripino Maia (DEM-RN) e o Ministro da Previdência Social Garibaldi Alves (PMDB-RN) sobre essa catástrofe na administração pública estadual. Rosalba Rosado foi produto maldito dos dois: "Jajá" e "Gari". Ambos venderam gato por lebre, e o povo é quem paga o preço da fraude criminosa praticada por esses espertalhões e trapaceiros da política potiguar. Essa é a grande realidade, o que é profundamente lamentável.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.