segunda-feira, 18 de abril de 2011

Governadora Rosalba Ciarline (DEM) que tanto criticou a ex-governadora Wilma de Faria (PSB) ainda nada fez em favor do Estado do Rio Grande do Norte

"Se correr o bicho pega e se ficar o bicho come". O ditado popular se encaixa bem ao cenário político do Estado do Rio Grande do Norte. O governo Wilma de Faria/Iberê Ferreira (PSB), se desmanchou em corrupção em oito anos à frente da administração estadual: eram filhos, irmãos, cunhados, e primos de Wilma, todos saquaeando os cofres públicos. Como prêmio pelo descalabro administrativo e os crimes que cometeram surrupiando fraudulentamente o dinheiro público, os dois gestores - Wilma/Iberê - ainda se arvoram de um poderio que dizem desfrutar, e garantem que serão presenteados com cargos no governo Dilma Roussef (PT). Parece invenção ou história de assombração do outro mundo. Mas, não é. Chega agora, Rosalba Ciarline (DEM), eleita governadora em 2010 para dirigir os destinos do Rio Grande do Norte, por um período de quatro anos. A "Rosa", até presentemente, nada fez, a não ser olhar pelo retrovisor e criticar os antecessores. Os setores de saúde, educação, segurança e infraestrutura continuam catastróficos. Cadê as obras? Cadê os investimentos? Cadê as melhorias? No Rio Grande do Norte, quase nada, ou absolutamente, nada funciona a contento no governo de Rosalba Ciarline. No período de 100 dias de administração, a "Rosa", conseguiu a proeza de tirar o pão de cada dia, de centenas de pobres no Estado norte-rio-grandense: fechou a casa do trabalhador em Natal; cortou gratificações dos servidores do ITEP e da Central do Cidadão; mandou fechar vários turnos de escolas instigando o analfabetismo; fechou o restaurante popular, além de outras atitudes tomadas, consideradas nefandas, nefastas e absurdas. Aliás, só não teve dignidade para cortar o aluguel da casa que ela (Rosalba), mora em Lagoa Nova/Natal-RN, e custa 12 mil reais por mês, dinheiro arrancado da garganta do pobre trabalhador - contribuinte - por meio de uma carga tributária acachapante. Mais ainda: enquanto a governadora berra aos quatro ventos que existe rombo nas contas públicas e o Estado está quebrado, ela mesma (Rosalba), nomeia diariamente dezenas de cargos em comissão. Em tempo: o que não dá pra rir, dá pra chorar. Rosalba Ciarline já está sendo comparada a figuras lendárias do desenho Pinguim e Mulher-Gato.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.