quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Lembrem bem desses nomes: João BR-110 Maia, Agaciel Maia, Gleidson Maia e Lauro Maia. Se fossem pobres seriam chamados de "família de ladrões"

O deputado federal João BR-110 Maia, presidente do (PR-RN), está sendo processado pela Procuradoria Eleitoral do Estado, por captação ilícita de recursos eleitorais, o chamado "Caixa 2" de campanha. Um computador apreendido pela Polícia Federal, na residência de um assessor direto do deputado - na Operação Via Ápia - continha uma planilha com nomes, números de CPF, tipos/marcas de placas de veículos, e discriminação de elevados valores em dinheiro e formas de pagamento, o que não foi constatado na prestação de contas do parlamentar norte-rio-grandense, conforme determina a legislação. Isso foi só na campanha. Imaginem o que pode acontecer durante o mandato de João BR-110 Maia. Ah, se o povo entendesse essas coisas!!! Vocês lembram o que fez o irmão dele Agaciel Maia, ex-diretor do Senado da República? Vocês lembram o que fez o sobrinho dele Gleidson Maia, ex-diretor adjunto do DNIT? Uma perguntinha a mais: voçês ainda estão lembrado do que fez Lauro Maia, filho de Wilma Maia e Lavoisier Maia? Resposta fácil: todos envolvidos em esquemas criminosos de desvio de dinheiro público. Se fossem pobres, seriam chamados de "família de ladrões". Ou eu estou errado? Em tempo: agora voçê vá roubar um pão, ou um gênero alimentício qualquer para saciar a fome, e seja preso em flagrante. No mínimo um ano na cadeia junto com bandidos perigosos, como assaltantes, pistoleiros, sequestradores, latrocidas e pedófilos. Esse é o Brasil!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.