sexta-feira, 1 de outubro de 2010

O Site Congresso em Foco alerta o eleitor do RN para não votar em candidatos envolvidos em escândalos com destaque para o doutor Lauro Maia

Cuidado com candidatos que tiveram os seus nomes envolvidos em escândalos do dinheiro público. O alerta está sendo feito ao eleitor do Rio Grande do Norte, pelo Site Congresso em Foco. No Estado potiguar, o sinal de atenção é com o candidato a deputado estadual Lauro Maia - filho da ex-governadora/professora Wilma de Faria - e que esteve preso entre os dias 13 e 19 de junho de 2008 pela Polícia Federal na Operação Hígia (desvio de 40 milhões dos cofres públicos/recursos da saúde) juntamente com outras 12 pessoas. Obviamente, meridianamente claro, o sobreaviso é para que o eleitor norte-rio-grandense pense duas, três, mil vezes antes de votar em candidatos acusados de átos criminosos. Em tempo: os escândalos envolvendo o governo Wilma de Faria - máfia dos combustíveis, operação hígia, bandas fantasmas, superfaturamento da ponte da redinha e outros episódios vergonhosos, até hoje (01/09/2010) não deram em nada. Tudo foi relegado ao esquecimento, graças à memória curta do nosso povo. Todos os chefes de quadrilhas continuam soltos, livres e sem chance de irem para a cadéia e devolver um centavo do que rapinaram. Alguém está preso? Quem devolveu algum tostão de roubo do dinheiro dos cofres públicos no Rio Grande do Norte? Mais ainda: votar com político ladrão é jogar no vaso sanitário o voto e dar descarga.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.