quarta-feira, 27 de outubro de 2010

A leitura do sentimento nacional é de que o governo Lula da Silva (PT) está comprometido com a corrupção acobertando roubos e inocentando os ladrões

O governo do presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), está comprometido até a medula com a corrupção. Essa é a leitura do sentimento da maioria da população brasileira. Todos os esquemas criminosos de ladroagem comprovados e esclarecidos no governo do Lula da Silva - mensalão, valerioduto, sanguessugas, dólar na cueca, forjadores de dossiês e tantas outras patifarias - não deram absolutamente em nada, e o pior, é que o denominado "filho do Brasil", acobertou os roubos, inocentou os ladrões e não puniu os ladrões, que continuam atrelados, engatados ao governo por meio de parentes, aderentes, apaniguados, mancebos, patifes, pulhas e puxa-sacos. Não se tem uma notícia neste Brasil todo, de que grandes figuras do governo dos PTralhas, que roubaram o dinheiro público, tenham sido presos, tenham sido condenados, recolhidos a cadeia e devolvido o dinheiro que roubaram. Não existe isso na história deste País. Em alguns casos houve uma jogada de aparência da aplicação da lei. Na verdade, os bandidos declarados e os bandidos mascarados continuam mandando e roubando diariamente no governo Lula da Silva. Todo mundo sabe disso, até quem vai assistir amanhã o primeiro dia de aula do jardim da infância. Hoje, uma grande parte da categoria política vive com a cara na lama, desmoralizados e sem moral, exatamente, porque defende e tenta criminosamente encobrir a ladroagem visível no governo do ex-metalúrgico e pobre-inocente, Lula da Silva. Em tempo: aqui no Brasil, cadeia só para pobre, negro, prostituta, pederasta, homossexual. Cadeia para essa gente que rouba dinheiro público no Brasil não existe. Ou eu estou errado?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.