segunda-feira, 10 de maio de 2010

Políticos de Upanema-RN - pouquíssimas exceções - vão repetir na campanha eleitoral deste ano comportamentos reprováveis: "circo do absurdo"

Chorar em velório sem conhecer sequer o defunto, visitar doente, andar de jumento, lamber rapadura, atolar o pé na lama, sujar a roupa no fogão a lenha, fazer uma romaria no cemitério em dia de enterro andando de sepultura em sepultura e repetir falatórios ridículos, são alguns dos comportamentos abonináveis adotados pelos políticos de Upanema-RN - raríssimas excecões - na cata ao voto, em ano de campanha eleitoral. Ainda mais: na conquista pelo voto, vale tudo, tomar café 20, 30 vezes ao dia, almoçar 8, 10 vezes para não desagradar o eleitor, e até se aliar ou fazer acordo com judas, para não largar a mamata no poder. O que acontece no período de eleições no município é o que se pode chamar de verdadeiro "circo do absurdo". A política em Upanema-RN, é assim mesmo, e estas são as regras da palhaçada praticada por uma corja de seres abjetos nocivos à sociedade.

Um comentário:

  1. Gostei do "lamber rapadura" e "fazer uma romaria no cemitério em dia de enterro andando de sepultura em sepultura".

    Se fosse pelo menos a famosa rapadura do "B".

    Quanto aos cemitérios, há muitos candidatos em em enterros, em época de campanha política.

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.