terça-feira, 17 de março de 2009

Contas

São pouquíssimos os governantes que prestam contas do dinheiro público. A maioria não presta contas de nada, nem explicações se digna a dar ao povo. Quando vai ao rádio ou a qualquer outro meio de comunicação, é um rosário de reclamação, lamentação. Arranca compaixão da massa famélica. Só falam que não tem dinheiro, arrecadação caiu, mas, quando aumenta ninguém fala absolutamente nada. Subestimam a inteligência do povo e superestimam a burrice. Se não tem como comandar renuncie. Acorda povo e diga não na hora certa, no momento exato, aos mercenários, mentirosos e corruptos da política.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.